Corpo, Escultura, Movimento

Posted: July 3, 2011 in Uncategorized

         

Lançamento do livro Fazer, Lugar [a poesia de Ruy Belo] – Lumme Editor –  de Manoel Ricardo de Lima

+

V Encontro XYZ:

Encontro sobre Livro da Dança, de Gonçalo M. Tavares

Com Júlia Studart, Manoel Ricardo de Lima e Gonçalo M. Tavares

FCSH, I&D | 5 de Julho de 2011 | 18:00 hrs | Sala multiusos 3

No Livro da Dança (2001), Gonçalo M. Tavares pensa a literatura como um projeto de intervenção que se desenha entre a ficção e o ensaio como formas de operação crítica e de uso, entre o poder da ficção e o desejo do espírito livre e sem gravidade, sem território e sem meta, entre a posse e a despossessão de algo da história da literatura e da história da filosofia. Nesse movimento, começa a compor duos, duplos, ou um terceiro termo que seria um neutro, sempre aberto a mover desvios na história: quando a escrita vem, como sugere Nietzsche, como um corpo que se pergunta o tempo inteiro se é capaz de dançar: um projecto para uma poética do movimento. Neste encontro, o próprio Gonçalo M. Tavares, Júlia Studart e Manoel Ricardo de Lima tecem leituras de fragmentos do Livro da Dança – escolhidos em direção ao que cada um propõe como um termo de sugestão crítica: corpo, escultura e movimento – e alguns pequenos comentários.

 

Encontros ‘X explica Y assinado Z’: a proposta passa por apresentar diferentes pesquisas partindo de um elemento comum a ser distribuído na sessão (como um poema, uma imagem ou fragmentos selecionados), expondo questões, marcos teóricos decisivos, abordagens de um problema e sobretudo abrindo um espaço para a palavra de todos os presentes.

 

Informações e envio de propostas: xexplicayassinadoz@gmail.com

 

Comments are closed.